segunda-feira, junho 16, 2008

Flores de Holambra




.........................................................................................
É muito bom receber em Ilhéus, as flores de Holambra. Sejam bem vindos floricultores! Conhecida como Cidade das Flores, Holambra é uma pequena Estância Turística, com "status" de município, localizada próxima a cidade de São Paulo. Formada por imigrantes Holandeses que imigraram pro Brasil no final da segunda guerra mundial, a comunidade de Holambra, encontrou nas flores, seu caminho de desenvolvimento, depois de várias tentativas fracassadas na pecuária, agricultura e produção de ovos.
Adotando um sistema de cooperativismo e produção familiar; e comercializando a produção diretamente dos produtores, Holambra e a cidade vizinha de Paranapanema conquistaram o mercado de sementes, flores, frutas, plantas, mudas, arbustos e árvores. Assim, tornaram-se referência nacional da atividade, com rigoroso controle, padronização e qualidade dos produtos, aliada a uma remuneração compatível ao produtor.
As grandes cooperativas da região tem investido em larga escala no incremento da atividade. A Veiling Holambra, por exemplo, que se promove como o maior centro de comercialização de flores do Brasil e abrange todo território nacional, já explora 42.000 hectares e investiu cerca de 35 milhões no últimos anos.

É uma cadeia produtiva dinâmica e bem organizada, que tem muito a nos ensinar. Na cadeia produtiva de Holambra e região, existe uma infraestrutura de referencia em serviços diversos, como armazenagem e beneficiamento de produtos, comercialização da produção "in natura" ou beneficiada dos cooperados, compra de insumos destinados à produção e revenda à cooperados e terceiros, compra e venda de produção "in natura" ou beneficiada de cooperados e terceiros e intermediação e administração de financiamentos para produção.
.
Desenvolveram ainda, Unidades de Beneficiamento de Sementes visando o processamento da semente própria de seus associados, bem como da recepção, beneficiamento e armazenagem de produtos diferenciados como milho e feijão.
.
Que Holambra sirva de Inspiração para o Sul da Bahia
.
.
Holambra nos serve de inspiração, de exemplo de união, cooperativismo, e, sobretudo, de profissionalismo. Pois foi assim, que tornaram-se mestres do cultivo ornamental, produzido familarmente, gerando milhares de empregos.

A principal mensagem que trazem é nos mostrar que este pode ser um negócio sustentável e promissor, quando existe união, investimento, capacitação e profissionalismo. Como sabemos, temos um excelente potencial para a exploração das chamadas flores tropicais, seja pela existência de uma grande variedade de espécies nativas, pelo clima ideal e pelo crescimento do mercado para essa variedade, especialmente, bromélias, orquídeas e helicônias.

Algumas das orquídeas que Holambra trás a Ilhéus, são nativas daqui, mas estamos ainda no início dessa caminhada. Por aqui, já existem algumas iniciativas de produtores que acreditam, de forma pioneira, nesta atividade. Esses produtores formaram a Associação dos Produtores de Flores e plantas Ornamentais do Sul da Bahia, e já realizaram duas grandes exposições chamadas "Flora Atlântica", e comemoram cerca de 100 hectares de cultivos e 150 empregos diretos.
Mas temos um longo caminho a percorrer e precisamos contar com maiores investimentos dos órgãos técnicos, principalmente a CEPLAC, onde já existem estudos de viabilidade econômica para a produção de flores tropicais em roças de cacau, desenvolvido pelo agronômo Angelo Tomas, e, segundo o mesmo, trata-se de uma alternativa concreta de diversificação econômica sustentável para essa região.
.
Holambra tem a nos ensinar também como agregar esta vocação ao turismo. Hoje, a Cidade das Flores é um centro de turismo rural, associado a diversos equipamentos e atrativos, como borboletário, moinho, praças de animais, etc. E tornou-se também, referência para o turismo científico e de negócios, realacionados a esta atividade, sediando diversas feiras, exposições e eventos de capacitação, como congressos, seminários e encontros de nível nacional e internacional.

3 comentários:

Terezinha disse...

Um momento mágico que muito nos inpira .Amei a oportunidade,lindas flores...

Anônimo disse...

Fico triste em ver, que em pleno dia dos namorados um dos poucos dias que os floricultores de Ilhéus podem ganhar dinheiro, trazerem uma feira como essa, e pasmem nenhuma flor era novidade, já que vejo quase todas nas floriculturass de Ilhéus. è valido a feira sim, porem em momento inoportuno.

Anônimo disse...

so de c grande ms sempre q vem a feira eu visito e conpro adoro flores de todos os tipo esto tentando montar uma floricultura so de flores tropical tenho orquideas comun e tenho tambem na minha chacara dois tipo q a sisti a reportage no globo rurau do dia 16 neste mes vo me informar no sebrae quero cultivar quero deichar meus parabems por as lindas flores